[Entrevista] - Garth Callaghan

Olá amorecos - conforme prometido - trouxe uma entrevista super fofelícia com o autor Garth Callaghan, autor do livro resenhado (AQUI) 826 notas de amor para Emma.

Pra quem é blogueira sabe que é uma delícia quando o autor curte sua foto no instagram, melhor ainda quando responde uma entrevista pro blog, ainda mais quando o autor é internacional e responsável por escrever um dos livros mais fofos que a gente leu, não é?!!!

Vamos lá!!!!!


Resolvi fazer essa entrevista pelo fato de o livro se tratar da história de um relacionamento entre pai e filha que vai além de guardanapos e melhor  um livro autobiográfico - o que me chamou muito a atenção e me fez querer saber um pouco mais a respeito desse maravilhoso autor.

Ficou uma pulga atrás de minha orelha em saber o motivo pelo qual Garth escreveu o livro, e ele respondeu isso brilhantemente, falando que o livro foi uma surpresa para ele, já que estava no trem para Nova York rumo a uma entrevista quando os editores entraram em contato com eles:







"Honestly, it was all a surprise. The story of writing 826 Napkin Notes for Emma had gone viral. We were on the train to New York City to have some interviews, and a few publishers and agents were calling me during the train ride. At first I didn't quite think that they wanted me to write the true story. I thought that they wanted just a book of quotes that I had put on Napkins. They really wanted to have me write our story".​


Perguntei também como foi escrever sua história - tão insensa e emocionante -  e ele menciona que teve que passar para o papel rápido demais - 80 dias - contou que o capítulo mais difícil de escrever foi o terceiro, onde conta pra Emma pela primeira vez que tinha câncer.

"The hardest chapter to write was Chapter 3, when I was recounting the time I told Emma that I first had cancer. That was awful to write and relive".

O autor contou que pretende escrever mais dois livros, os quais está trabalhando neles nesse momento  - já quero ler.


Na entrevista ele reforça que seu objetivo em escrever o livro era mostrar aos pais quanto a vida é frágil e quão importante é o relacionamento com os filhos, mesmo que através de notas de guardanapos.

Espero que tenham gostado da entrevista e que tenham a oportunidade de ler seus livros.

Beijokas!!!

4 comentários :

  1. Li o livro,ele é único.
    Em cada palavra ia entendendo cada sentimento ali escrito. ..me emocionei deveras. Vou torcer por um milagre na vida dele e de sua família. ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Ivana, de fato é um livro único e lindo.
      Levarei os ensinamentos eternamente, não deixe de conferir a Entrevista que o autor respondeu para o blog.
      Beijokas!!!

      Excluir
  2. Parabéns! Realmente, deve ser muito bom entrevistar um autor do qual se gosta! Não conhecia esse autor, nem a obra, mas adorei a postura simpática e receptiva dele. Vou procurar por essa história! =)
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie amore,
      De fato é uma maravilha mesmo.
      Ele foi um fofo!
      Obrigada pela visita!
      Beijokas!

      Excluir

Deixe seu comentário