[Desbravando Gigantes] - Livros sobre relacionamento familiar

Olá amorecos, tudo bom com vocês?!
Faz tempo que não trago nada nessa coluna, mas hoje trouxe dois livros lindinhos da Editora do Brasil, que trazem uma temática muito importante para a construção de identidade dos pequenos, que é a questão da convivência familiar e suas vertentes positivas ou negativas.

Vamos lá:

A Colcha de Retalhos - Conceil Corrêa da Silva e Nye Ribeiro



Essa belezurinha traz a história de uma avó com seu neto.
Com uma colcha de retalhos, que cada pedaço traz uma lembrança.

O livro traz o relacionamento entre neto e avó - que delícia, quem já viveu isso sabe do que estou falando - aquele abraço gostoso, aquele bolo que só ela sabe fazer...e etc. etc.

E o mais gostoso dessa história é o fato de mostrar de maneira bem gostosa o que é o amor e a saudade.


A edição está super fofa, e as ilustrações são lindíssimas, recomendo que quem gosta de infantis leia essa belezinha!


A história da garrafa vazia - Jonas Ribeiro


Esse já se trata de um familiar com vícios.
O autor já começa sua dedicatória de maneira lindíssima, e deixa claro que se trata de uma temática bem forte - alcoolismo.

"Para as crianças que sonham com uma infância sem bebida. Crianças com sede de abraço, sem mãos trêmulas. Crianças com sede de beijo sem gosto de ruim...".

Traz a história de Gabriela uma criança que tem que lidar com o fato de seu pai ser alcoólatra.

O livro traz também outras temáticas como desempregoe relacionamento familiar.


Além de ter ilustrações que remetem para o fator alcoolismo.

Por hoje é só amorecos, espero que tenham a oportunidade de ler essas belezuras.

Beijokas!

15 comentários :

  1. O primeiro livro parece uma fofura, mas o segundo parece ser bem mais interessante por abordar uma realidade triste, porém comum na vida de muitas pessoas e para crianças isso é, com certeza, ainda pior e mais difícil de lidar. Ótimas dicas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Andrea, de fato o primeiro é mais amorzinho que o segundo.
      Mas o segundo também é uma graça... mas aborda um tema mais intenso.
      Obrigada pela visita!
      Volte mais vezes.
      Beijokas!

      Excluir
  2. Oi! Eu reconheço os dois como muito importantes, pois tive experiência nos dois lados, uma avó maravilhosa e amorosa, cheia de sentimentos bons, e um pai com alcoolismo, que fez a família sofrer bastante. Acredito que as crianças devam sim entender e conhecer, porque quando pequenos não sabemos o por que daquelas coisas.. Amei a dica!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Aline,
      De fato são temáticas infelizmente na questão do álcoolismo... mas muito reais e comuns nas famílias.
      Que bom gostou da dica.
      Beijokas!

      Excluir
  3. Olá!
    Nossa, primeiro um abraço, depois um tapa hahahahahahaha gosto muito desses livros com temática familiar, desde aqueles que são amorzinho, como Extraordinário, até livros como esse que você apresentou, da história vazia sobre a garrafa vazia. Minha relação com as minhas avós não foi tão próxima, mas a comida realmente é uma das lembranças presentes, porque uma me dava chocolates e a outra adorava fazer bife para mim hahahahhahaha quanto ao alcoolismo, conheci alguns alcoólatras ao longo da vida, embora nenhum seja da minha família, e sei como o vício é cruel, imagino isso pelos olhos de uma criança. Duas indicações ótimas, seja para sonhar ou conhecer a realidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Lê... não tinha pensado nessa perspectiva, mas que bom coloquei os dois juntos e duas realidades bem presentes nas vidas dos pequenos.
      Obrigada pela visita, adorei seu comentário, apenas complementou o que eu coloquei ai.
      Beijokas!

      Excluir
  4. Oi Grazi, tudo bem?

    Gosto muito de histórias que abordam o relacionamento familiar, pois sempre conseguimos enxergar as famílias de outras formas, vendo tanto seus lados positivos, como os negativos. Não conhecia os livros que você citou, mas me interessei por ambos. A relação entre avó e neto é sempre muito linda e regada de amor. Fiquei curiosa para ver como vai ser esta com um pai alcoólatra, possivelmente me traria uma visão que ainda não tenho. Adorei as dicas!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Alice,
      De fato... sempre tem uma pincelada em algo que parece que tiraram da nossa família.
      Obrigada pela visita, espero que tenha a oportunidade de ler.
      Beijokas!

      Excluir
  5. Olá!
    Não conhecia nenhum dos livros mencionados, mas essas histórias de relacionamentos familiares infantis, eu li muitas na minha infância. Esse livrinho da Colcha de Retalhos é uma edição muito fofa para dar de presente e é tão bom ter uma relação bacana com os avós. A história da garrafa vazia também é uma realidade atual na vida de muitas crianças. Gostei muito das dicas.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Thalita,
      Que bom gostou das dicas, espero que volte mais vezes por aqui.
      Beijokas!

      Excluir
  6. Olá
    Que resenha mais linda e terna. Mas como sempre a realidade ofusca. Adorei o enredo e resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie amoreca,
      Que bom gostou... obrigada pela visita!
      Beijokas!

      Excluir
  7. Olá, tudo bem?

    Confesso que não conhecia os livros acima mencionados, parece ser belas leituras. Parabéns pela resenha, ficou bem legal.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie,
      Que bom pôde conhecer os livros aqui.. espero que tenha a oportunidade de ler e voltar pra contar sua experiência.
      Obrigada e beijokas!

      Excluir
  8. Amo "A colcha de retalhos" é uma livro encantador. Todo esse universo com os avós é completamente apaixonante. Acho que é por isso que gosto tanto.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário