[Resenhas] - A garota do calendário Fevereiro - Audrey Carlan

Olá amorecos, sei que sumi - mais esse ano está meio complicado, mas aos poucos vamos colocando os pingos nos IS - agradeço os que continuam acompanhando o blog e me apoiando de alguma maneira.


































Hoje trago a resenha do segundo livro da série A garota do Calendário - Audrey Carlan, da Verus Editora.

Pois é, essa série está me surpreendendo - de verdade - pensei que seria só putaria do início ao fim, mais o livro traz além do lado erótico, muito romance envolvido, nos prendendo a cada personagem, ou "cliente".

Vamos lá ver o que a Mia Saunders - que precisando de dinheiro para tirar seu pai de uma enrascada vira acompanhante -  passou no mês de Fevereiro.

Ela nesse mês teve que ser musa inspiradora de Alex Dubois - um artista plástico francês que mora em Seattle - e quando chega no local do trabalho vê inúmeras pessoas nuas e assim começa uma nova aventura na vida de Mia.

" Havia pessoas por todos os lados, metade delas nua. No que foi o que eu me meti... Santa mãe de Deus eu estava encrencada.".

Só que o que ela não esperava era que esse seria mais um cliente como Weston, ou quem sabe "melhor" que ele (será?).

" Claro, chérrie... os franceses fazem amor. E contem muita forma de fazer... .".

E que venha o próximo mês e o próximo "cliente" - Anthony, um grande empresário no ramo alimentício.

Algo muito legal é que Mia nesse mês tem a oportunidade de se autoconhecer melhor e resgatar lembranças de seu passado.
Como já disse, o cliente desse mês é um pintor e sinceramente, gostaria muito de ver as telas dele pintadas de fato, mas, na minha imaginação parecem ter ficado muito lindas e especiais, tendo em vista que foram um retrato captado no íntimo de Mia - quem já leu, conte ai o que acharam.
E quem pra quem leu a resenha do livro anterior (AQUI) se contente em saber que ela não se desvinculou do "Deus Grego" Wes s2.

Algo que também me deixou bem feliz em saber é que pra Mia, o trabalho que a principio pra quem vê de fora parece ser um sacrifício, não estava sendo tanto sacrifício assim.

"Com Wes e Alec, não parecia trabalho...".

E que venha Março...







































No final da minha leitura da série, vou montar um post mostrando os lugares que Mia viajou, que digo pra vocês - são lindos e sonho de consumo de qualquer um.


0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu comentário